Dor

A palavra dor resume bem meus últimos dias, tanto dores físicas como psicológicas e emocionais, uma senhora que eu amava muito faleceu a alguns dias, mas de uma forma estranha eu não fiquei triste por isso, é que ela foi uma mulher incrível e já estava próxima dos 100 anos deixou muitos momentos de alegria e de aprendizado e eu tenho uma certeza muito grande de que ela esta descansando para encontrar o Pai <3 Minha avo por parte de mãe passou mau em uma viagem que fez para São paulo e foi parar no hospital isso me abalou bastante e minha outra vozinha minha princesa esta muito abatida por conta da filha dela que usa drogas e eu sinto que a qualquer momento posso perder ela , inclusive canso de acordar chorando porque tenho pesadelos com isso! Estou tentando estra sempre falando com ela e creio que mês que vem poderei ir vela!
O meu ex namorado me surpreendeu com uma publicação de "Em um relacionamento sério" no facebook e isso pouco mais de um mês depois que terminamos, bom eu fiquei em pedacinhos, triste com raiva e muito mas muito magoada ficou parecendo que ouve uma traição mesmo ele me dizendo o contrario, estamos num momento muito complicado mas sinto dentro do meu coração que as coisas vão melhorar, mesmo que não pareça (velha fé) e quando digo que creio que vão melhorar não quero e nem estou dizendo que vamos ou não voltar e sim que em qualquer uma das duas opções eu vou ficar bem, de alguma forma.
Meus pais continuam em "pé de guerra" e ate a minima conversa acaba em discussão, então tenho tentado evitar conversar sobre qualquer que seja o assunto, não quero irritar o "general/macho/alfa" como o chamo e ainda mas importante que isso, eu não quero me irritar. Haaa, ontem a tarde "fiquei" com o Pedro e isso não me fez bem na verdade nada que envolva me relacionar física ou emocionalmente  com outras pessoas esta me fazendo bem no momento. Logo agora que vou me mudar tenho um vizinho legal rsrs acho que vamos ser bons amigos mesmo assim.
As aulas da faculdade já estão para começar novamente e por mais que eu tenha saudade de lá tem uma parte de mim que não quer ir, na verdade só de imaginar o caminho ate lá já me da agonia até medo de certa forma, mas não tem jeito preciso fazer algo com minha vida e estudar é um bom começo. Tenho tido alguns sintomas do panico novamente (Lembrando que Ansiedade generalizada e síndrome do pânico são coisas diferentes e infelizmente o pânico me assombra em algumas crises de ansiedade ocasionalmente ) eu não deixo as facas maiores  a mostra na cozinha quando vou dormir, essa é uma mania que desenvolvi no final de 2016 por medo do meu pai (ele nunca tentou nada contra mim, porém o medo constante que veio com a ansiedade me faz ter medo ate disso)  e já te uns 4 dias ou mais que sempre que estou deitada tenho a impressão de que serei esfaqueada é bem bizarro inclusive deve ser por isso que eu acordo toda madrugada... na próxima semana voltarei ao psiquiatra e é certo que ele aumente a dose da paroxetina e recomende outro ansiolítico.
Alguns amigos meu também não estão bem o que torna minha tristeza ainda pior e infelizmente não é só do lado de cá , as flores e beija-flores desse cantinho não estão passando por momentos muito legais também e eu sinto muito por isso, espero que fiquem bem!

PS: Acabo de desativar o Facebook e excluirei o twitter então só vou ficar com o insta e o whatsapp preciso me afastar de algumas coisas/pessoas então qualquer coisa chamem por esses dois meios ou por aqui mesmo! 

Comentários

  1. Primeiramente, meus pêsames. Infelizmente as vezes a vida fica insuportável, mas acredito eu que é pra testar a gente, pra ver até onde vamos, pra nos fazer ficar mais forte e tirar alguns aprendizados. Você tá mais que certa, anja, evite qualquer coisa que te faça mal, isso inclui o ex, também terminei com o meu essa semana, tentei voltar, mas não rolou, azar o dele, e azar do seu também por perder você que é maravilhosa, portanto faça como eu, exclua totalmente da sua vida, supere e siga sua vida. Sua saúde mental é mais importante que qualquer outra coisa, então você está mais que certa em voltar para o psiquiatra, seu bem estar em primeiro lugar. Desejo bons estudos desde já em relação a faculdade! E também desejo melhoras, e que toda essa maré ruim passe, e que você volte a se sentir bem novamente, pra ter disposição pra alcançar suas metas que citou na publicação anterior, pois eu torço por você e que também volte a viver sua vida normalmente. Beijos no coração!

    ResponderExcluir

Postar um comentário