Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2017

Só viver ...

Imagem
No ano passado logo no comecinho da (TAG) ansiedade eu me prometi que não deixaria mais que o medo da opinião alheia me impedisse de viver e ser quem eu quisesse, porém eu não estou conseguindo seguir com isso e é triste já que essa é uma "promessa" que eu realmente gostaria de cumprir e sei que me faria bem...
Tenho pensado nisso esses dias e resolvi que voltarei a fazer coisas que acho que não são "legais" aos olhos dos outros mais que aos meus são coisas que eu realmente acho importantes e consideráveis (Não estou falando de maconha ok rs)
Mesmo sem querer eu penso muito na morte, e definitivamente não quero morrer sem ter feito o que quero então aqui estou eu disposta novamente a viver como bem entender!

Motivos para viver

Imagem
Confesso que pensar nos meus motivos para viver não é uma coisa fácil para mim, o que cria a duvida " Sera que as pessoas sabem os motivos pelos quais querem viver?"
Mas vamos la:
Os meus pais, mesmo que tenha passado por momentos bem tensos com eles, reconheço que eles são uma boa razão para continuar vivendo, quero ver eles bem velhinhos e felizes.
A psicologia, sim ,eu sou apaixonada pelo meu curso e quero termina-lo e exercer a profissão (Que é uma das mais lindas do mundo)
Adotar meu futuro filho que se chamara Lorenzo (SIM já tenho ate nome)
Ajudar as pessoas principalmente os abrigos temporários para crianças popularmente conhecido como orfanatos.
Lutar pela causa das pessoas com transtornos mentais
Viajar pelo Brasil, aqui tem lugares lindos e talvez ir em outros países
Construir uma família (nunca pensei que diria isso mas ok)
Ter orgulho de mim mesma
Ler (Quanto mais tempo eu viver mais livros lerei)
Ter minha própria biblioteca (Sim, talvez eu ainda queira isso)
V…

Preguiça de usar meu diário físico...

Imagem
Vivo me sabotando, e sei disso! Costumo viver as mesmas situações (ruins em sua maioria) repetidas vezes e o que mas me irrita é que eu mesma me levo a elas. Começar algo e não terminar ?Então... já não tem nem mas graça. É como se eu tivesse um mapa com todas as instruções corretas e mesmo assim entrasse na  "rua" errada, estranho eu sei, mas sou profissional em estranhezas rs.
E o que eu faço sabendo de tudo isso?  Me afasto das pessoas ou desisto de seja lá o que iria fazer, o que não ajuda muito, mas ao menos não cometo o erro com a mesma pessoa ou coisa. Todos os meus amigos são de "áreas" separadas, não gosto de grupos porque em meio a 3 alguém sempre vai ser "traído" bem você sabe (Eve) né?
Sou aquela que nunca chama ninguém pra sair mais sempre é convidada e, mesmo sem nenhuma vontade de ir eu vou porque tenho a mania miserável de colocar a vida de todos acima da minha, digo miserável porque estão todos atras da sua própria felicidade e eu? Bom eu…

Desculpa mas...

Imagem
Eu tenho medo de viver e medo de não viver, é complicado.

Oi!

Imagem
Como estão?Espero que estejam bem!
Eu não estou na minha melhor semana, esta tudo confuso e eu sinto como se estivesse afundando, voltei a ter pensamentos ruins e a ter pesadelos e o pior é ter "pesadelo" enquanto acordada (Parecia mais uma alucinação ) minha concentração esta péssima eu não consigo me lembrar de coisas simples e coisas que me deixavam muito feliz estão perdendo a graça, como os meus livro que me bateu a louca e eu resolvi doá-los nunca tinha imaginado que eu faria isso. Meu humor esta oscilando mais que a bolsa de valores e ficar "feliz" para não deixar minha mãe triste voltou a ser um objetivo...
Falando em mãe, ela não quer que eu trabalhe o que me deixa irritada já que eu quero trabalhar, o discurso dela é sempre o mesmo "Eu quero que o seu pai trabalhe" eu ate entendo que ela queira que eu me dedique a faculdade, entendo mesmo. Mas eu quero começar  agora porque sei que a partir do 6 semestre eu não poderei trabalhar (Conciliar estag…

...

Se tem uma coisa que me faz sentir uma pessoa fraca é chorar e nas primeiras semanas com a depressão eu chorava sem parar e por qualquer motivo, sim ate um "OI" era motivo pra eu desabar em choro, lembro que na minha primeira consulta com o psiquiatra eu não conseguia terminar nenhuma frase e apenas chorava e quando finalmente consegui falar eu disse "Eu odeio isso" e voltei a chorar, lembro perfeitamente. Quando eu choro me sinto veraneável e eu não gosto de ser veraneável, não gosto de olhares  e nem de ver as pessoas com pena de mim entende?
Mas minha visão sobre o choro mudou semana passada quando eu me senti mal e precisei ser atendida e a farmacêutica/enfermeira  que me atendeu notou que eu não estava muito bem, e eu queria muito chorar, então conversamos e eu disse "Eu não posso chorar" ela ficou calada e depois peguntou "Porque não chorar?" essa pergunta esta na minha mente a dias e eu realmente gostaria de entender o porque não chorar..…